Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Lançamento do roteiro confirma etapa do maior rally do mundo, o Sertões 2022, em Umuarama

Compartilhar:
27 de abr de 2022 Esporte e Lazer
Imagem Lançamento do roteiro confirma etapa do maior rally do mundo, o Sertões 2022, em Umuarama
Lançamento do roteiro confirma etapa do maior rally do mundo, o Sertões 2022, em Umuarama

A organização do Rally dos Sertões 2022 divulgou na noite de terça-feira, 26, o roteiro da competição – considerada o maior rally do mundo – que vai passar por Umuarama nos dias 27 e 28 de agosto. “Seremos a segunda cidade a receber a megaestrutura, os competidores com suas equipes e os turistas que acompanham de perto este universo. O evento promete levantar poeira na Capital da Amizade”, afirmou o secretário de Esporte e Lazer, Jeferson Ferreira, que acompanhou o lançamento do roteiro em solenidade no Museu do Ipiranga, na cidade de São Paulo.

A edição comemorativa dos 30 anos do Rally dos Sertões será a maior competição na categoria contra o relógio do mundo e vai homenagear o bicentenário da Independência do Brasil. A prova vai passar pelas cinco regiões do Brasil, de 26 de agosto a 10 de setembro, percorrendo 7.216 km (dos quais 4.811 km serão cronometrados). Serão 15 dias de provas em alta velocidade cruzando oito estados – PR, SP, MS, MT, TO, PI, MA e PA – e 14 cidades, iniciando em Foz do Iguaçu, passando por Umuarama e encerrando no mar de Salinópolis (PA).

Os participantes visitarão verdadeiros tesouros da natureza, como a Ilha do Bananal (TO), os Cânions do Viana (PI) e trilhas inéditas do deserto do Jalapão (TO), além da largada das Cataratas, uma das maravilhas mundiais da natureza. Uma única etapa terá 914 km de maratona, sem apoio mecânico. Paralelamente à prova, o SAS Brasil (Saúde e Alegria no Sertões) focará na dimensão social do evento, beneficiando 16 mil pessoas em sete cidades das cinco regiões do país.

Haverá um dia de descanso em Palmas (TO). A caravana ficará um dia na Região Sul (PR); um dia na Sudeste (SP); quatro dias na Centro-Oeste (MS e MT); quatro dias na Nordeste (PI e MA); e cinco dias na Norte (TO e PA). Com a maior extensão em três décadas, a Dunas Race – organizadora do Sertões – criou duas provas à parte para quem não puder fazer o percurso completo: Sertões Sul e Sertões Norte. O primeiro, de 26/8 a 3/9, com um prólogo e sete etapas e término em Palmas (TO), de onde parte o segundo, também com sete etapas. Serão três em um.

EFEITOS POSITIVOS

O secretário Jefinho destaca o impacto do rally nas cidades que recebem etapas. “A competição leva medicina de qualidade à população carente, movimenta a economia com cerca de 2 mil pessoas que ativam a hotelaria, restaurantes, postos de combustível e mercados. Promove a culinária através do concurso Sabores do Sertões, oferece capacitação aos pequenos empreendedores, em parceria com o Sebrae, e engaja as escolas da rede pública através da realização do Concurso de Redação e Arte = Sertões Cultural”, comentou.

A realização da etapa em Umuarama conta com total apoio do prefeito Hermes Pimentel e o engajamento das várias secretarias municipais, porém sem exigir investimentos públicos diretos. “O Sertões objetiva revelar um Brasil que poucos brasileiros conhecem, através do esporte e de experiências em lugares fascinantes. É sinônimo de aventura e orbita nos sonhos de muitas pessoas. Trabalhamos muito para chegar até aqui e é motivo de muito orgulho poder anunciar esse super roteiro, o maior do mundo! Vamos fazer um tributo ao nosso país”, disse Joaquim Monteiro, CEO do Sertões.

Para Leonora Guedes, COO do Sertões, “mais do que levantar poeira, o Sertões quer movimentar a economia das cidades e deixar um legado por onde passa: com a SAS Brasil, nossa ação social; com o Sertões Cultural e com parceiros que ajudam a tornar tudo isso uma realidade. Precisamos cuidar das cidades anfitriãs, das pessoas e do meio ambiente”, completou.

TESOUROS

Quatro tesouros nacionais serão promovidos, a começar pelas Cataratas do Iguaçu, uma das maravilhas mundiais da natureza e um dos destinos mais procurados por turistas de todo o mundo. As cataratas impressionam pela beleza e volume de água. A cidade, a 640 km de Curitiba, ainda abriga a Usina Hidrelétrica de Itaipu, a maior do planeta em geração de energia. Por se tratar do local de início do desafio, competidores e equipes terão a chance de conhecer tudo de perto, mesmo na correria dos últimos preparativos.

TURISMO

Expedições de turismo acontecem paralelamente ao Rally dos Sertões. Além de poderem acompanhar a competição de “camarote” em trechos exclusivos definidos pela equipe técnica, os expedicionários ainda visitam os atrativos turísticos (parques, cachoeiras, cavernas) ao longo do roteiro, experimentam a gastronomia local e conhecem o artesanato de cada região.

As expedições proporcionam integração com a caravana do rally, pois foram desenvolvidas para aqueles que desejam participar do Sertões se divertindo e não competindo. Esta edição conta com oito operadores, com expedições para diversos perfis, sendo que uma delas vai largar do Chuí e chegar no Oiapoque literalmente.