Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Prefeitura vistoria condições de transporte de cadeirantes

Compartilhar:
13 de out de 2022 Umutrans
Imagem Prefeitura vistoria condições de transporte de cadeirantes
Prefeitura vistoria condições de transporte de cadeirantes

Uma operação, feita de surpresa pela Sestram (Secretaria Municipal de Segurança, Trânsito e Mobilidade Urbana) na manhã desta quinta-feira (13), analisou as condições oferecidas aos cadeirantes no transporte coletivo urbano da cidade. Todos os ônibus e micro-ônibus da Viação Umuarama foram vistoriados.

A empresa concessionária disponibiliza 16 ônibus em tamanho normal e outros sete micro-ônibus e todos eles estão devidamente equipados com os sistemas e mecanismos de elevação dos cadeirantes, segundo informou o chefe da Divisão de Transporte da Sestram, Juracy Narcizo. “Foram verificados vários itens, como a qualidade e a situação dos equipamentos, sistema de elevação das cadeiras, qualidade e funcionamento das plataformas e dos cintos de segurança, entre outros. São exigências mínimas para garantir a mobilidade urbana das pessoas com deficiência”, observa.

Já o secretário da Sestram, Elizeu Vital da Silva, indica que um aspecto importante da Lei 13.146/2015 – que é o Estatuto da Pessoa com Deficiência (PcD) – é que ela determina que não apenas o veículo, mas o serviço como um todo garanta a segurança e o bem-estar das PcD, o que inclui estações, pontos de parada e sistema viário, além de capacitação de motoristas, cobradores e outros profissionais para auxiliar o cadeirante. “O cumprimento desta determinação passa pelo comprometimento do prestador de serviço de transporte coletivo, mas também da administração municipal”, comenta.

Ele relatou que o trabalho de vistoria realizado no Terminal Urbano levou a direção da empresa a oferecer treinamento especial aos funcionários, com orientações básicas sobre comportamento no trânsito, trato com o usuário, operação dos equipamentos para cadeirantes e atendimento a outras pessoas com deficiências das mais diversas. “A determinação do prefeito Hermes Pimentel é garantir qualidade no serviço prestado aos usuários, uma vez que a administração municipal subsidia o serviço. Inclusive, após renegociação com a concessionária, o prefeito exigiu a redução no preço da tarifa, que agora está em R$ 4”, pontuou.

 

 

Visualizar imagens Flickr