Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Prefeitura quer oferecer apoio para melhorar condições de trabalho de mototaxistas

Compartilhar:
31 de out de 2022 Umutrans
Imagem Prefeitura quer oferecer apoio para melhorar condições de trabalho de mototaxistas
Prefeitura quer oferecer apoio para melhorar condições de trabalho de mototaxistas

Há pouco mais de 11 anos o serviço de mototáxi foi legalizado em Umuarama, sob a gestão do então prefeito Moacir Silva. Agora, por determinação do prefeito Hermes Pimentel, um decreto deve regulamentar e ajustar uma série de requisitos para oferecer melhores condições de trabalho para esses profissionais e mais segurança para os usuários, conforme informou a Sestram (Secretaria Municipal de Segurança, Trânsito e Mobilidade Urbana) na manhã desta segunda-feira (31).

De acordo com o secretário Elizeu Vital da Silva, um primeiro encontro já foi promovido na semana passada com alguns mototaxistas e uma nova reunião deve ser agendada nos próximos dias. “Neste primeiro momento conversamos com cerca de 10 representantes de mototáxis, porém nossa intenção é ampliar esse contato, pois, segundo os próprios participantes da reunião, em Umuarama devem atuar cerca de 250 profissionais, tanto como mototaxistas (no transporte de passageiros) quanto motofretistas (no serviço de entregas de mercadorias)”, observou.

Vital adianta que um dos objetivos da Sestram é oferecer apoio para que esses profissionais possam atuar de forma regular e regulamentar, criando associações, cooperativas ou agências, por exemplo, onde consigam ter e oferecer mais segurança no desempenho de suas atividades – como seguro de vida em grupo, cadastro como microempreendedores individuais (MEI), registros junto aos órgãos de trânsito etc. –, como determina a Lei 3.729/2011, disponível no site da Prefeitura”, explicou.

Contendo 24 artigos, a lei determina, entre outros pontos, que a exploração do serviço de mototáxi em Umuarama deve ser feita por profissional que tenha CNH categoria A por, pelo menos, dois anos, possuir certificado de participação em Curso de Orientação e Formação de Condutores, ministrado por instituição reconhecida pelo Contran (Conselho Nacional de Trânsito) e credenciado pela Diretoria Municipal de Trânsito (Umutrans). “A administração municipal deve firmar Termo de Cooperação com esses profissionais, com propósito de assegurar a colaboração mútua para campanhas de educação e o aperfeiçoamento do serviço”, detalhou.

O secretário faz um chamado a todos os mototaxistas e motofretistas de Umuarama para que entrem em contato com a Sestram (que engloba a Umutrans e a Guarda Municipal), onde o atendimento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h30 às 17h30, na avenida Padre José Germano Neto Junior n° 3502 (perto da Feira do Produtor de sexta-feira) ou pelo telefone (44) 3906-1018. “Vamos fazer um pré-levantamento de todos os profissionais para podermos organizar os trabalhos, por isso, se você atua como mototáxi ou conhece alguém que trabalha nessa área, pedimos a gentileza de que entre em contato”, finaliza.


 

Conheça os detalhes da Lei sobre a atividade de mototáxi clicando aqui.

 

Visualizar imagens Flickr