Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Prefeitura intensifica roçada do mato nos canteiros e logradouros públicos

Compartilhar:
22 de mar de 2022 Serviços Públicos
Imagem Prefeitura intensifica roçada do mato nos canteiros e logradouros públicos
Prefeitura intensifica roçada do mato nos canteiros e logradouros públicos

As equipes da Secretaria Municipal de Serviços Públicos e também de prestadores de serviços contratados intensificaram a roçada do mato nos canteiros centrais, praças e logradouros públicos. O serviço é feito de forma contínua, porém, com o calor e a incidência constante de chuvas, a grama tem crescido mais rapidamente e exigido um esforço concentrado dos servidores. Apenas em canteiros de avenidas, são mais de 500 mil m² que precisam ser roçados até 10 vezes no ano.

Nos últimos dias a secretaria montou uma força-tarefa para acelerar o corte. As frentes de trabalho estão atuando na avenida Dr. Ângelo Moreira da Fonseca, entre o Gauchão e a avenida Ivo Sooma, e também nas avenidas Zaeli e Durval Seifert (no Parque San Remo), Colombo, dos Tamoios e Goiânia (nas praças Sete de Setembro e Tamoio), bem como em praças, postos de saúde, escolas e demais logradouros públicos existentes no percurso.

Nesta segunda-feira, 21, o trabalho foi realizado no Ambulatório de Síndromes Gripais, na Praça Sete de Setembro e no largo existente entre a avenida Colombo e a rua Bararuba. A avenida Presidente Castelo Branco também já teve boa parte do canteiro roçado, naquela região.

“Esse é um trabalho que não pára. O clima está favorável para o crescimento do mato e isso aumenta bastante o serviço. Pode parecer que não estamos cuidando, mas o empenho é grande para atender a demanda e reforçamos as equipes para dar mais agilidade, atendendo também a uma recomendação do prefeito Hermes Pimentel”, explicou o secretário de Serviços Públicos, João Paulo dos Santos.

A Prefeitura tem três equipes de trabalho com nove roçadeiras manuais e tratores para áreas mais extensas. Somam-se a isso as equipes de terceirizados e mesmo assim o trabalho vai longe. “Apenas aqui na região do San Remo serão de 10 a 15 dias para completar o serviço de roçada. O trabalho é intercalado com a limpeza de escolas, postos, aeroporto, lagos, áreas públicas e também dos distritos de Lovat, Serra, Santa Eliza, Roberto Silveira e Vila Nova União”, continuou.

Segundo o secretário, a cada 40 dias o município inicia um novo ciclo de roçada e o objetivo é realizar até 10 ações ao longo do ano. “Mas a demanda de serviço depende muito do clima. Quando a chuva vem com mais frequência, como agora, a grama cresce rápido e o serviço aumenta bastante. Mas intensificamos os esforços e nos próximos dias os resultados já serão visíveis”, completou João Paulo.

Visualizar imagens Flickr