Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Zona de Processamento de Exportação é criada em Umuarama

Compartilhar:
11 de jul de 2022 Indústria, Comércio e Turismo
Imagem Zona de Processamento de Exportação é criada em Umuarama
Zona de Processamento de Exportação é criada em Umuarama

Após cumprir as várias etapas exigidas pela legislação federal, foi firmado no início da tarde desta segunda-feira (11) o termo de compromisso que cria em Umuarama a Zona de Processamento de Exportação (ZPE). Participaram da cerimônia de assinatura do documento os representantes da empresa Fenix Empreendimentos, vencedora da licitação, o prefeito Hermes Pimentel e o secretário municipal de Indústria e Comércio, Marcelo Adriano Lopes da Silva.

Para se ter uma ideia da importância da criação da ZPE, no Brasil existem 5.568 municípios e Umuarama é a primeira ZPE privada do Brasil (a outra está em Fortaleza (CE), mas é de administração mista). “A característica central desse projeto é criar uma zona de livre comércio que funciona como um condomínio de empresas, com produção voltada ao mercado internacional, aproveitando as isenções fiscais concedidas pelos governos federal, estadual e municipal, em suas competências tributárias”, detalhou o secretário.

O perímetro da ZPE já está definido: são 80 alqueires, que ficam na PR-482, e terá área de livre circulação de pessoas e veículos e outra área restrita, que será controlada pela Receita Federal (recinto alfandegário). “Os produtos que entram e saem na área de controle aduaneiro são fiscalizados para garantir o cumprimento da legislação de incentivos fiscais que beneficiam os empreendimentos industriais, gerando empregos e riquezas para a região por meio da atividade industrial e das exportações”, detalha o chefe da Divisão de Indústria e Comércio e agente de desenvolvimento, Paulo Leon Baraniuk.

O secretário de Indústria e Comércio destacou que trata-se de um momento histórico para Umuarama e região. Nesse grande parque industrial para processamento de produtos para exportação terão isenção de impostos federais e estaduais para a importação de máquinas e insumos e todos os produtos processados também poderão ser exportados com isenção de impostos. Ou seja, é algo que realmente vai atrair empresas para a cidade”, detalhou.

O prefeito afirmou estar muito honrado por participar desse processo, que irá mudar os rumos da economia de Umuarama. “Temos consciência de que estamos dando um passo nunca antes dado em direção à uma real transformação do futuro de Umuarama. Eu não tenho medo de trabalhar, não tenho medo de ousar quando o assunto é investir em projetos que vão melhorar a vida do cidadão. Estamos, hoje, dando o pontapé inicial, iniciando uma caminhada histórica e isso é motivo de muita honra para mim, como administrador dessa cidade. Quero agradecer o apoio que tenho dos meus secretários, o apoio dos vereadores e também do deputado estadual Delegado Fernando, que nos ajudou nesse processo”, declarou.

A Fênix Empreendimentos, empresa vencedora da licitação para a implantação da ZPE, pertence à família Garcia, proprietária da Unipar (Universidade Paranaense). Carlos Eduardo e Cássio Eugênio Garcia assinaram o termo e relataram a satisfação de poder fazer parte deste momento histórico. “Aprendemos com nossos pais a investir em projetos transformadores. E estamos aqui, honrados e orgulhosos por saber que esse legado de empreendedorismo está aceso e mantido em nosso DNA”, pontuou Carlos Eduardo Garcia.

Já Cássio Eugênio Garcia falou sobre o compromisso que sua família tem com a cidade, observando que aprendeu com o pai que nenhum investimento importante pode ser feito em um ou dois anos, mas sim para 50 ou 100 anos. “Se não for para ser algo para perpetuar o bem por muitos anos, não vale a pena. E participar da criação da primeira ZPE em Umuarama representa exatamente essa determinação: iniciar agora a transformação do futuro”, resumiu.


 


 

Visualizar imagens Flickr