Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Aeroporto de Umuarama já pode receber aviões de médio porte como ATR-72

Compartilhar:
24 de ago de 2022 Indústria, Comércio e Turismo
Imagem Aeroporto de Umuarama já pode receber aviões de médio porte como ATR-72
Aeroporto de Umuarama já pode receber aviões de médio porte como ATR-72

O Aeroporto Regional de Umuarama já está autorizado a receber voos da aeronave ATR-72, um bimotor turboélice de médio porte com capacidade para transportar até 72 passageiros em voos regionais. A Prefeitura recebeu nesta quarta-feira, 24, a portaria 8895, de 19 de agosto de 2022, que concede o Certificado Operacional Provisório de Aeroporto ao município.

De acordo com a Superintendência de Infraestrutura Aeroportuária, a certificação operacional fica condicionada à manutenção dos aspectos avaliados no âmbito do processo, por meio do qual a outorga foi concedida, pelo operador aeroportuário. A portaria – que já está em vigor – menciona a esperada autorização para operação do ATR-72 em condições meteorológicas visuais (VMC).

O documento foi assinado eletronicamente por Giovano Palma, superintendente de Infraestrutura Aeroportuária, em 23/08/2022. “Este é mais um passo para a certificação permanente do nosso aeroporto.”, comemorou o prefeito hermes Pimentel. “Estamos autorizados a receber aviões de médio porte e agora oferecemos à companhia aérea que opera a linha Umuarama a Curitiba – e a outras que tenham interesse em atender a cidade e região com mais opções de destinos – a possibilidade de movimentar um número maior de passageiros”, disse.

A certificação equipara o aeroporto local aos grandes aeroportos do país e o torna mais atrativo para as empresas aéreas, o que terá efeitos positivos para a economia e o desenvolvimento local e regional, na opinião do secretário da Indústria e Comércio do município, Marcelo Adriano Lopes da Silva. “Além de termos mais uma opção de transporte de passageiros, Umuarama despertará o interesse de grandes empresas e projetos devido a esta facilidade de acesso e conexão com outros centros do país”, afirmou.

Para obter o certificado operacional provisório – necessário para a certificação permanente, concedida um ano depois – o Aeroporto Orlando de Carvalho recebeu grandes investimentos do município, do governo do Estado e também da União, tanto em infraestrutura quanto em equipamentos e adequação de procedimentos técnicos.

“A certificação coroa um longo processo que envolveu muito trabalho em várias frentes do poder público, incluindo a contratação – por licitação – de uma empresa privada para a gestão do aeroporto. A expectativa agora se volta à atração de novas linhas aéreas, oferecendo mais opções para atender à população com agilidade e segurança”, completou o secretário, enaltecendo o trabalho da empresa Infracea, em nome dos executivos Tiago Dantas, diretor de operações, e Felipe Siqueira, diretor executivo.

Visualizar imagens Flickr