Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Diretores de escolas municipais recebem treinamento para reduzir risco de contágio do coronavírus

Compartilhar:
4 de ago de 2021 Covisa
Imagem Diretores de escolas municipais recebem treinamento para reduzir risco de contágio do coronavírus
Diretores de escolas municipais recebem treinamento para reduzir risco de contágio do coronavírus

Uma reunião técnica com a coordenação da Vigilância em Saúde do Trabalhador (Visat) e as diretoras de instituições de ensino da Prefeitura de Umuarama, marcou o rigor com que a administração municipal tem com a questão da prevenção ao coronavírus. Foram apresentadas ações para redução do risco de contágio do vírus Sars-CoV-19 em todos os ambientes escolares.

A enfermeira Edinalva Almeida Mota, coordenadora da Visat, disse que o encontro desta quarta-feira (4) é o primeiro de uma série de reuniões e capacitações que serão realizadas na cidade. “Além dos diretores das escolas, faremos com equipes pedagógicas das escolas, inclusive as estaduais e particulares. A Visat também cumpre na próxima semana cronograma de inspeções em todas as escolares municipais. O objetivo é verificar in loco o cumprimento de medidas preventivas e de mitigação dos riscos da covid-19 para os trabalhadores das instituições escolares, uma vez que há muito todas já receberam orientações da Visat de como proceder”, esclareceu.

Entre as várias pautas abordadas, Edinalva afirmou que a Vigilância visa a promoção da saúde e a redução da morbimortalidade da população trabalhadora. “Por meio da integração de ações que enfrentem quadros graves, apresentamos modelos de desenvolvimento de processos produtivos para saúde preventiva, como a exigência rigorosa e regular do checklist para todos os servidores, funcionários, terceirizados e fornecedores antes de adentrarem a instituição escolar”, especificou.

Edinalva informou que o município tem agido com um rigor ainda maior que definido pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) na decisão de afastar as pessoas com suspeita de contaminação. “A Sesa indica o afastamento quando dois trabalhadores testam positivo para covid-19, comprovado com exame RTPCR, desde que haja indícios de que a transmissão foi de trabalhador para trabalhador. A administração municipal já indica o afastamento imediato independentemente do tipo de teste (PCR, teste rápido ou antígeno). Três funcionários com resultado positivo e já comunica como surto e toma todas as providências para bloquear a cadeia de contágio e mantermos todos em segurança”, observou.

As secretárias municipais de Saúde, Maria Harue Takaki, e Educação, Mauriza de Lima Menegasso, também participaram da reunião, que contou ainda com a presença de fiscais e coordenadores da Visat. “A pandemia nos trouxe propostas completamente diferentes para nossa forma de agir. É um momento de desenvolvermos a empatia e a solidariedade, porque todos os seres são vulneráveis. Afastar não significa segregar, mas demonstrar cuidado com nossos trabalhadores”, resumiu.

 

Visualizar imagens Flickr