Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Prefeitura e IAT distribuem mudas nativas; praça do bosque ganhará novas gurucaias

Compartilhar:
26 de ago de 2021 Agricultura e Meio Ambiente
Imagem Prefeitura e IAT distribuem mudas nativas; praça do bosque ganhará novas gurucaias
Prefeitura e IAT distribuem mudas nativas; praça do bosque ganhará novas gurucaias

A distribuição de mudas nativas por meio da Campanha Floresce Paraná, nesta sexta-feira (27), acontecerá em 21 pontos do Paraná, além da capital Curitiba. Umuarama será uma dessas cidades. A Diretoria de Meio Ambiente do município programou para as 9h o plantio de mudas nativas na Praça das Gurucaias, em frente ao Bosque do Uirapuru (região central) e das 13h30 às 17h a doação de mudas à população em geral, na frente do Paço Municipal.

A ação, que acontece no Dia Nacional do Voluntariado, objetiva promover a educação ambiental e despertar o interesse do cidadão de ser um voluntário da natureza, plantando uma árvore nativa. “A praça foi revitalizada pelo município e vai receber mudas da árvore que lhe dá nome, a gurucaia, uma espécie nativa da região que atinge até 30 m de altura quando adulta, com tronco com 60 a 110 cm de diâmetro”, informou a diretora de Meio Ambiente da Prefeitura, Rafaela Moreira.

Espécies de árvores nativas como a gurucaia são indicadas para ações de reflorestamento, preservação ambiental, arborização urbana, paisagismos ou plantios domésticos. O reflorestamento corresponde a implantação de florestas em áreas que já foram degradadas pelo tempo, pelo homem ou pela própria natureza.

As mudas, que serão distribuídas gratuitamente, provêm dos 19 viveiros do Instituto Água e Terra (IAT) que possuem capacidade de produzir cerca de 3 milhões de mudas de árvores. São 100 espécies nativas, inclusive as ameaçadas de extinção, como peroba-rosa, imbuia e araucária. O secretário de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, lembra que existe um grande trabalho nos viveiros de preparar as mudas para serem plantadas no solo.

“Vamos dentro da floresta, coletamos as sementes, trazemos para os nossos viveiros e fazemos toda a parte de reprodução”, disse o secretário. A primeira-dama do Paraná, Luciana Saito Massa, que também é presidente do Conselho de Ação Solidária, acrescentou que “o programa Floresce Paraná simboliza o florescer do nosso Estado, na economia, saúde, no meio ambiente e em todas as áreas. Só com união e comprometimento de todos vamos colher os bons frutos das nossas ações”, destacou.

Vídeos relacionados

Veja mais