Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Livro traz receitas para aproveitamento total dos alimentos entregues na cesta verde

Compartilhar:
15 de mai de 2021 Agricultura e Meio Ambiente
Imagem Livro traz receitas para aproveitamento total dos alimentos entregues na cesta verde
Livro traz receitas para aproveitamento total dos alimentos entregues na cesta verde

Famílias atendidas com cestas verdes do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) em Umuarama estão recebendo exemplares do livro de receitas “Aproveitamento Integral dos Alimentos”, produzido pela Prefeitura e distribuído pela Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente. A primeira entrega ocorreu nesta semana, durante repasse de cestas a cerca de 100 famílias em situação de vulnerabilidade nutricional. Membros do Conselho Municipal de Segurança Alimentar (Comsea) levaram livros para as entidades parcerias do Banco de Alimentos, que servem comida pronta para a população vulnerável.

O município distribui mensalmente pouco mais de 700 cestas verdes, compostas por frutas da estação, limão, tubérculos (batata-doce, mandioca, cenoura e outros) e folhosas como alface, couve, almeirão, ainda chuchu, pepino, berinjela, jiló, tomate, repolho, pão caseiro, bolacha caseira e eventualmente produtos da agroindústria, como leite pasteurizado e doces caseiros.

“Em agosto do ano passado o município recebeu R$ 592 mil do governo federal, que desde então estão sendo usados na execução do programa de compra dos alimentos da agricultura familiar e doação para as famílias e entidades. Com isso entregamos uma cesta mensal com mais de 20 quilos de produtos. As receitas e dicas do livro ajudam a aproveitar integralmente esses alimentos, sem desperdício e com uma grande variedade de receitas”, explicou Huana da Silva de Godoi, chefe da Divisão de Segurança Alimentar e coordenadora do PAA no município.

Para organizar a entrega e aproveitar melhor os alimentos adquiridos diretamente do pequeno produtor rural, o Banco de Alimentos organizou as famílias em quatro grupos e a cada semana um deles é atendido. A maioria dos beneficiários retira as cestas verdes no local, mas alguns a recebem em casa, devido a condições especiais (acamados, com filhos especiais ou acometido por dificuldades de mobilidade). “Na próxima semana entregaremos mais 200 exemplares e os demais nas semanas seguintes, conforme a escala de distribuição das cestas”, acrescentou Huana.

Até 2019 o município atendia em torno de 400 famílias com cestas quinzenais. A partir do final daquele ano e com o início da pandemia, nos primeiros meses de 2020, o número de pedidos de inclusão no programa aumentou bastante e, para atender a um número maior de beneficiários, o Banco de Alimentos aumentou o volume da cesta e passou a fazer repasses mensais.

“Desta forma conseguimos atender mais gente. Com uma média de quatro pessoas por família, a nossa cesta verde atende a mais de 2.800 umuaramenses com alimentos fresquinhos, adquiridos direto do produtor, sem falar nas pessoas que consomem comida pronta nas entidades parceiras”, apontou o prefeito Celso Pozzobom, destacando a seriedade do programa. “A entrega é feita somente para as famílias cadastradas, mediante apresentação de documento com foto”, disse.

Como a cesta se tornou mais volumosa e os alimentos são perecíveis, o livro de receitas é uma ferramenta para que não haja desperdício e nem perdas de alimentos. “As receitas orientam o aproveitamento total das frutas e legumes, bem além da polpa. Há sucos, bolos, geleias, pães e outras guloseimas que utilizam talos, cascas e sementes, e ainda dicas de conservação e congelamento para os alimentos durarem mais tempo armazenados na geladeira. A ideia é desperdício zero”, reforçou o diretor de Agricultura e Pecuária do município, José Guilherme de Oliveira Júnior.

Visualizar imagens Flickr

Vídeos relacionados

Veja mais