Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Cadastro para o Castrapet Paraná se encerra na próxima sexta-feira

Compartilhar:
22 de jun de 2021 Agricultura e Meio Ambiente
Imagem Cadastro para o Castrapet Paraná se encerra na próxima sexta-feira
Cadastro para o Castrapet Paraná se encerra na próxima sexta-feira

A Prefeitura de Umuarama está no Programa Permanente de Esterilização Cirúrgica de Cães e Gatos (Castrapet Paraná), em parceria com a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo (Sedest), possibilitando a castração gratuita de cães e gatos. Para isso, é necessário que os tutores dos animais atendam aos critérios do programa e façam o cadastro pessoalmente na Diretoria de Meio Ambiente do município.

Devem ser apresentados documentos pessoais e de comprovação de endereço, dados do pet e, em caso de vulnerabilidade social, documentos comprobatórios como Bolsa Família, ficha do CRAS, tarifa social de energia ou de água e esgoto, além da assinatura do termo de responsabilidade pela castração, que deve ser feita presencialmente. Não serão aceitos cadastros por telefone.

O programa utiliza uma Unidade Móvel de Esterilização e Educação em Saúde (UMEES) para castração de animais a partir dos quatro meses de vida (até oito anos, no máximo) de ambos os sexos. Os procedimentos cirúrgicos serão realizados na quadra da Escola Municipal Senador Souza Naves, de 30 de junho a 8 de julho (menos no domingo, 04/07), das 8h às 15h, até o limite 457 castrações.

Em três dias foram realizados 240 cadastros e restavam apenas 117 cirurgias disponíveis. “Podemos agendar até 85 animais por dia e 680 durante todo o período do programa. Os cadastros que excederem o limite vão compor uma lista de espera”, explica o diretor de Meio Ambiente, Matheus Michelan Batista. Ele reforça que apenas os animais cujos tutores realizarem o cadastro presencialmente, na Prefeitura, poderão ser atendidos. “É nesse momento que informaremos aos tutores sobre os cuidados necessários e as responsabilidades do pré e pós-operatório”, disse.

As prioridades definidas pelo município foram: 1º) animais atendidos pela Sociedade de Amparo aos Animais de Umuarama (Saau), recolhidos das ruas da cidade; 2º) atendimento para animais de famílias em situação de vulnerabilidade social que possuam mais de um cão ou gato na residência, com preferência para a castração de fêmeas; e 3º) animais de famílias residentes nos loteamentos de interesse social no município.

De acordo com o diretor de Meio Ambiente, serão adotadas todas as medidas de segurança em cumprimento aos decretos de combate à Covid 19, sendo permitida a presença de apenas um tutor por animal, que deverá estar de posse dos seus documentos pessoais. “Os tutores devem ficar cientes de que animais que excederem o limite diário de cirurgias serão atendidos apenas se houver desistência ou reprovações nos exames pré-operatórios”, completou Matheus Batista.

Vídeos relacionados

Veja mais