Notícias | Prefeitura Municipal de Umuarama

Notícia

Notícia

Parque ambiental em obras no antigo Poliesportivo recebe mais uma etapa

Compartilhar:
16 de mai de 2020 Obras, Planejamento Urbano e Projetos Técnicos
Imagem Parque ambiental em obras no antigo Poliesportivo recebe mais uma etapa
Parque ambiental em obras no antigo Poliesportivo recebe mais uma etapa

O prefeito Celso Pozzobom visitou nesta semana as obras do parque ambiental em construção no antigo Complexo Poliesportivo, que está recebendo mais uma etapa de preparação do terreno e combate a erosão. O local tem recebido um grande volume de terra para composição dos taludes, que em seguida recebem grama para auxiliar na fixação e evitar o surgimento de focos erosivos, além de melhorar gradativamente o aspecto do ambiente.

A obra completa, que será realizada em etapas, terá um custo estimado de R$ 5 milhões. O parque terá um pavilhão coberto com laterais abertas, banheiros e estrutura para realização de eventos e um estacionamento com mais de 250 vagas para veículos. “Além disso, vamos construir duas pistas, uma para caminhada e outra para ciclismo; quadras esportivas de futsal, basquete, basquete 3x3, vôlei de quadra, vôlei de areia e tênis; um amplo parque infantil e um parque para animais”, informou Pozzobom.

Está prevista ainda a revitalização do prédio que abrigava as cabines de imprensa, na época do estádio, e uma ampla arborização, especialmente com mudas de ipês – árvore símbolo do município. Haverá dois acessos para os visitantes, um pela Avenida Parigot de Souza (próximo ao cruzamento com a Rua José de Ângelo) e outro pela Rua Capital da Amizade (final do Jardim Colibri).

“A construção sofreu um atraso, assim como outras obras públicas, por conta da pandemia de coronavírus e também devido a demandas que surgiram nas nossas estradas rurais, que ocuparam o maquinário – já que a obra vem sendo realizada com equipamentos e equipe da Secretaria de Serviços Rodoviários do município”, lembrou o prefeito. “Mas aos poucos estamos recuperando o ritmo e a intenção é concluir, até o final do ano, todo o talude, as pistas e a base para as demais benfeitorias”, acrescentou Pozzobom.

O diretor de Obras da Prefeitura, Nélio Guazzelli, informou que as quadras e os parques serão divididos pelo canal de drenagem, que terá vegetação natural e passarelas de um lado para o outro. “Como o sistema pode precisar de manutenção futura, não vamos construir aterro neste ponto e deixar a vegetação natural se desenvolver. A ideia é realizar o mínimo de construções e impermeabilização, com materiais e grande capacidade de absorção da água da chuva, e privilegiar cobertura verde”, explicou.

Nesta semana, máquinas da prefeitura avançaram na construção de mais uma faixa de taludes e recuperação de um ponto atingido pela erosão. “Logo vamos plantar mais grama e realizar os serviços preliminares para construção das pistas de caminhada e passeio de bicicleta. As outras benfeitorias serão implantadas em etapas futuras” completou Guazzelli.

 

Vídeo desta notícia - clique aqui

Visualizar imagens Flickr